News


30ago
Arquivado em: Notas de Campo
Outro março com cara de mesmo março.   Dei-me conta de que era março quando arrancava a folha do calendário de fevereiro — que minha irmã amigavelmente cobriu a pintura por ser de um palhaço que esperou o Carnaval à toa. Em algum momento, surgiu o comentário de que completaria 1 ano… E minha preocupação navegou rapidamente sobre como seria aquele outro março. O que outro ...
Escritora dividida entre o tempo e o espaço. Colecionadora de achados e perdidos. Ex-líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I AM THAT GIRL. Não poupa no textão e nem nas doses diárias de café. Além disso, acredita piamente que você pode ser sua própria heroína.


09jul
Arquivado em: Fique Bem
AVISO DE GATILHO: CITAÇÃO DE VIVÊNCIA COM TRANSTORNO ALIMENTAR   Se isto fosse um grupo de apoio, eu já diria que sim, eu tenho traumas. Um emaranhado complexo que ganhou mais um emaranhado em 2020. Desde então, não tenho certeza do que faço. Porém, tenho que fazer. E por essas e outras razões que o post de hoje é sobre trauma vs. autocuidado. Há coisas que preciso dividir. ...
Escritora dividida entre o tempo e o espaço. Colecionadora de achados e perdidos. Ex-líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I AM THAT GIRL. Não poupa no textão e nem nas doses diárias de café. Além disso, acredita piamente que você pode ser sua própria heroína.


06jul
Arquivado em: Fique Bem
Da série: preservando a inocência.   Creio que este texto foi escrito em 2018 e posso estar enganada. A publicação aconteceu no falecido site Contra as Feras e decidi republicá-lo. Há certas notas sobre si que precisam ser mantidas para sempre! ❤     Eu tenho a singela sensação de que, neste momento, nossos pensamentos se entremeiam no mesmo ritmo a...
Escritora dividida entre o tempo e o espaço. Colecionadora de achados e perdidos. Ex-líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I AM THAT GIRL. Não poupa no textão e nem nas doses diárias de café. Além disso, acredita piamente que você pode ser sua própria heroína.


13maio
Arquivado em: Notas de Campo
Espantei-me ao lembrar que este texto existe. Não queria publicá-lo por estar meio fora do “prazo da validade”. Afinal, eu atravessei esse maremoto emocional e ficou só o emocional. Ao arriscar relê-lo, não esperava um senso da minha parte, mas sim um Frankenstein. Eu o escrevi no auge da angústia que começou em janeiro deste ano.   Normalmente, eu sei que o dia não será le...
Escritora dividida entre o tempo e o espaço. Colecionadora de achados e perdidos. Ex-líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I AM THAT GIRL. Não poupa no textão e nem nas doses diárias de café. Além disso, acredita piamente que você pode ser sua própria heroína.


24abr
Arquivado em: Música
Era 22 de agosto de 2018 quando isso aconteceu.     E, a partir desse ponto, tudo que envolve Taylor Swift na minha vida tem sincronia. Ou timing, como preferirem. Há sempre um ponto de retorno, independentemente da fase que me encontro. Como a de rejeição que, desta vez, não envolve a história de Taylor Swift.   Toda vez que retorno a esse mencionado dia, eu...
Escritora dividida entre o tempo e o espaço. Colecionadora de achados e perdidos. Ex-líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I AM THAT GIRL. Não poupa no textão e nem nas doses diárias de café. Além disso, acredita piamente que você pode ser sua própria heroína.