Arquivo da categoria: 'Ficção Histórica' Arquivo da tag 'Ficção Histórica'
24mar
Arquivado em: Leituras
Gritos de alegria porque achei que tinha perdido esta resenha (que deveria ter sido postada no ano passado, mas...).   Este livro foi o sinal do quanto me tornei meio relaxada com a leitura em 2015. Sério, levei dois meses para terminá-lo. Nem foi pelo fato dele não ser interessante – ele é muito –, mas, às vezes, não sinto vontade de ler. Daí, enrolo, enrolo, enrolo porque n...
Stefs Lima
Escritora dividida entre o tempo e o espaço. Colecionadora de achados e perdidos. Ex-líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I AM THAT GIRL. Não poupa no textão e nem nas doses diárias de café. Além disso, acredita piamente que você pode ser sua própria heroína.
28out
Arquivado em: Leituras
Eu não sei o que me deu para reler Triste Fim de Policarpo Quaresma. Encontrei-o em uma daquelas faxinas em que você coloca o guarda-roupa abaixo, sabem? Ele estava todo tímido e esquecido, atrás de todas as coisas, junto de outros títulos nacionais, em um compartimento que fazia muito tempo que não mexia. É lá que ficam minhas pastas dos Backstreet Boys e do Harry Potter – e o negócio ...
Stefs Lima
Escritora dividida entre o tempo e o espaço. Colecionadora de achados e perdidos. Ex-líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I AM THAT GIRL. Não poupa no textão e nem nas doses diárias de café. Além disso, acredita piamente que você pode ser sua própria heroína.
28jul
Arquivado em: Leituras
Foi um livro difícil de ler, tanto que já o terminei há mais ou menos um mês e ainda não consegui escrever nada sobre ele. Sempre me interessei por histórias relacionadas ao holocausto e à Segunda Guerra, mas, talvez por esperar uma narração mais suave, fiquei com um gosto amargo na boca do começo ao fim. Pelo bem ou pelo mal, foi um livro que conseguiu mexer com os meus sentimentos de a...
Stefs Lima
Escritora dividida entre o tempo e o espaço. Colecionadora de achados e perdidos. Ex-líder de um Capítulo Local do movimento internacional chamado I AM THAT GIRL. Não poupa no textão e nem nas doses diárias de café. Além disso, acredita piamente que você pode ser sua própria heroína.
















Siga @HeyrandonGirl no Instagram e não perca as novidades